São Paulo registra recorde de viagens durante a Copa.
São Paulo registra recorde de viagens durante a Copa.

O terminal Tietê, o maior entre as rodoviárias de São Paulo, registrou recorde de embarques de ônibus para o Rio de Janeiro, dois dias antes de o mundo conhecer o campeão da Copa do Mundo 2014 disputada no Brasil. Com o triunfo histórico dos hermanos argentinos sobre a seleção holandesa, na Arena Corinthians, a procura pelas passagens de ônibus cresceu absurdamente. No dia seguinte ao jogo da seleção argentina, 15 viaturas da Polícia Rodoviária Federal e mais oito motociclistas da PM foram chamados para garantir a segurança de todos que passavam pelo local, além de ajudarem na locomoção daqueles que não moram no Brasil. No terminal rodoviário e em sites que vendem bilhetes rodoviários, a procura para reservar viagens até o Rio foi bastante empolgante para empresas do setor.

Só a viação Cometa colocou nas ruas 20 ônibus extras para atender a demanda de argentinos e brasileiros que queriam acompanhar de perto a final da Copa, no estádio Maracanã. Só a empresa rodoviária que circula entre o eixo rodoviário mais movimentado do país, conseguiu realizar viagens com 95% das poltronas vendidas, um aumento de pelo menos 50% em comparação com dias de movimento normal. A prefeitura do Rio de Janeiro liberou o uso do metrô seis horas antes da bola rolar no Maracanã. A gratuidade começou a rolar mais cedo, porque já estava previsto pela FIFA a cerimônia de encerramento com pelo menos duas horas antecedentes a partida de futebol.

O metrô também não foi cobrado duas horas depois da premiação da seleção da Alemanha, que venceu a Argentina com um gol sofrido já na prorrogação. As linhas de metrô foram intercaladas com interrupções de apenas 4 minutos e meio, bem nos horários de pico. Para não perder a entrada dos portões no estádio foi preciso priorizar as linhas até as estações Maracanã, São Cristóvão e São Francisco Xavier. O Rio de Janeiro também colocou a disposição do evento, trens extras com capacidade para transportar 78 mil torcedores antes de a bola rolar na grande final do torneio futebolístico da FIFA.

Autor

Comentários estão fechados.