Estudantes de Salvador podem comprar passagens de ônibus pela internet com o Salvador Card.

Estudantes de Salvador podem comprar passagem na internet.

Estudantes que dependem do transporte rodoviário na capital da Bahia, e já possuem o cartão Salvador Card, agora poderão adquirir suas passagens de ônibus e recarregar seus créditos através da internet.
O projeto de lei criado pelo vereador Joceval Rodrigues e aprovado pelo prefeito ACM Neto, dá direito da compra das passagens rodoviárias a partir do dia 18 de janeiro.
Além de garantir as viagens, até abril, a prefeitura quer disponibilizar novos pontos de recarga que devem ser terceirizados em vários locais da cidade. A implantação desse atendimento acontecerá de maneira gradativa e possibilitará ao estudante fazer o carregamento do seu cartão MPE – Meia Passagem Estudantil, com o valor desejado, no momento que quiser e quantas vezes achar necessário.

Para recarregar os créditos do cartão adquirido pela internet, basta apenas aproximar o objeto nos validadores dos ônibus que ficam próximos ao local de entrada e saída, no interior dos veículos. A recarga acontece de forma automática, utilizando a tecnologia chamada de Carga a Bordo.
Mesmo que a compra seja online, é necessário ir ao menos uma vez ao posto oficial de onde são retirados os cartões Salvador Card para poder programa-los.
Ainda em fase de testes, quem controla os embarques com as passagens compradas é um sistema com tecnologia da identificação biométrica.
Quando embarcar pela primeira vez, a recarga online dos cartões será ativada automaticamente, podendo ser gasta num período de 20 dias seguidos, sem restrições para linhas, horários e companhias de ônibus.

Quem compra em maiores quantidades consegue descontos maiores na hora de recarregar. As taxas embutidas nos bilhetes forçam o usuário a reservas a passagem de ônibus com antecedência. Para se livrar dessa tarifa é preciso reservar mais de 30 meia passagem.
Com a mudança, a prefeitura de Salvador vai desativar provisoriamente, os pontos centrais que faziam a comercialização dos bilhetes.
Segundo consta na lei, a inclusão do serviço online e o sistema de recarga na rede terceirizada de serviços foram criados para substituir os atuais centros de atendimento do Salvador Car, de onde são vendidos os créditos para os estudantes. Para isso, a novidade tem que estar consolidada.

COMPARTILHARShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+