Muitas pessoas aderiram a sistemas de compra on-line na última década, colocando mais uma ferramenta na forma de efetuar pagamento de suas contas, revalidar assinaturas de revistas, encomendar livros e comprar diversos artigos de luxo, da rotina, encomendar objetos do exterior e acessar contas bancárias diretamente de seu computador, sem sair de casa. A evolução dos números acompanhados por empresas de pesquisa aponta também mercados femininos como grandes compradores desses sistemas. Do começo do ano de 2000 até 2010, o número de casa com acesso a micros e internet era menos de 10% no país, mas hoje em dia já passa os 70% das residências. “Tudo ficou mais facilitado”, diz Ivone Cristina dos Santos, 42. “A tecnologia avançou a tempo de adequar-se ao bolso” conta o economista José Villas Faria, 30. A negociação tornou-se mais facilitada, com sistema de parcelamentos em cartões e até geração de boletos bancários para facilitar o comércio na rede.

Nos dias atuais, a inclusão social na internet possibilitou mais a comunicação entre pessoas, reencontrar amigos distanciados pelo tempo e acompanhar blogs e sites com dicas especiais, garantidas pelos internautas e também da facilitada acessibilidade para empresas nesse espaço virtual. As auto viações se dispõe de oferecer parcerias entre sites de compra de bilhetes, agências de turismo online e até portais de compras coletivas para despojarem de facilidades para a negociação. Pela dificuldade de locomoção e tempo gasto no deslocamento até rodoviárias nos principais centros como São Paulo, Rio de Janeiro, Curitiba, Belo Horizonte e Recife muitas pessoas aderirem à prática, que vai de encontro com a máxima utilização hoje em dia de cartões de crédito, especialmente para jovens e adultos. Para facilitar as reservas e fugir de filas nos centros rodoviários, muitas negociações são ordenadas de vários locais no território nacional, sendo trilhadas pelas estatísticas quando avaliam os passageiros como sendo trabalhadores, turistas estrangeiros, aposentados, mulheres e jovens de todas as classes sociais. A facilidade na compra é rápida, bastando confirmar dados do cartão de crédito que por ser realizados dentro do lar, traz mais segurança para pais e responsáveis manejarem junto com os filhos esse pagamento, sem medo de assaltos quando necessário abrir bolsas em agências e guichês rodoviários e também situações em que não se é possível ir até o terminal rodoviário.