• Acesso ao Rock in Rio foi exclusivo dos onibus de viagens

    Autor:

    Redação

    Data: 26/10/2013

     Exclusividade ônibus de viagens Rock in Rio 2013

    Pense rápido. O que os onibus de viagens e o rock têm em comum? Se você é apaixonado pelo estilo musical e também utiliza os coletivos como meio de locomoção deveria ter a resposta na ponta da língua. Acontece que realmente não há nada parecido entre essas duas coisas, a não ser no evento que acontece sempre em setembro, aqui no Brasil. O Rock in Rio, o maior festival de música do mundo que reuni os maiores nomes do rock nacional e internacional teve uso exclusivo para ônibus transportarem o público até a área de acesso por onde aconteceram os shows. Todas as ruas e vias que dão acesso aos arredores da Cidade do Rock foram interditadas para realização do evento e por decisão da organização apenas os ônibus tiveram privilégio de circular pelo local.

    Nem mesmo os automóveis, táxis e vans foram autorizados para passar pelo local. A escolha pelos coletivos veio na necessidade de facilitar a vinda das pessoas e turistas até o evento e baratear o transporte até os arredores de onde os artistas se apresentaram. Para chegar até o espaço houveram duas opções de viagens. Foi possível embarcar e comprar seus bilhetes de ônibus pelas linhas regulares, por onde os ônibus desembarcaram a uma distância de mais de um km do local. A outra opção é seguir viagem no coletivo Rock in Rio 1ª classe, por onde a parada final aconteceu no RioCentro,  apenas 200 metros da entrada principal.

    Consulta de passagens de onibus sobe e aviões param

    Autor:

    Redação

    Data: 16/10/2013

    Consulta passagens de ônibus positiva

    Enquanto a compra e a consulta de passagens de onibus estão aquecidas no setor, empresários e donos de companhias de aviações tentam negociar medidas com o Governo Federal para sair da crise que assola o meio aéreo. Segundo pronunciamento do ministro da Secretaria de Aviação Civil, Wellington Moreira Franco, o governo não vai mais bancar as instabilidades econômicas do setor. Por causa da crise, quatro das principais empresas de avião do país, a TAM, Gol, Azul e a Avianca, se reuniram com o ministro para apresentar um plano com medidas a fim de reduzir os custos na operação das viagens. Wellington reconhece que o setor não passa por um bom período, justamente por causa do dólar, e por isso mesmo defende que a responsabilidade de passar por esses desafios é aa própria empresa.

    O motivo pelo qual tem prejudicado as receitas das companhias aéreas brasileiras e alavancado as passagens de ônibus é o preço cobrado pelo combustível das aeronaves que na verdade são pagos em dólar. O ministro da Secretaria de Aviação Civil acha que as melhorias nos aeroportos também dependem de mais investimos na frota das companhias de avião. Para ele é preciso que os responsáveis garantam mais segurança para quem viaja e possa oferecer serviços mais baratos como é feito pelos bilhetes de ônibus. Em novembro, o responsável pela pasta deve lançar um edital para modernização de 45 aeroportos regionais, que já foram construídos mais ainda não estão abertos por falta de estrutura.

    Bilhete de ônibus rodoviário pode virar cartão de crédito

    Autor:

    Redação

    Data: 06/10/2013

      Bilhetes de ônibus virar cartão de crédito

    Já pensou se o seu Bilhete Único de ônibus rodoviário se transformasse em um cartão pré-paga capaz de realizar qualquer outra operação financeira? Pois é, agora isso já é possível em Santo André, no ABC Paulista, em São Paulo. Passageiros de coletivos que já possuem os bilhetes rodoviários podem utiliza-los como cartão de pagamento de contas e compras, e fazer transações sem possuir conta bancária. O cartão ainda inclui opções de serviços telefônicos, central de atendimento e acesso a agências bancarias. Isso só é possível graça a uma parceria da prefeitura firmada entre a AESA – Associação das Empresas do Sistema de Transportes de Santo André e a MasterCard, empresa responsável pela criação do cartão pré-pago Super AESA.

    Quem já possui o cartão para viagens já pode aproveitar os recursos. Não é necessário que o usuário compre outro cartão para realizar transações, comprar e checar informações do telefone. Basta apenas indicar a opção preferida no próprio Bilhete Único. O sistema do cartão é pré-pago pode dar maior segurança para o usuário que queira gerenciar seus gastos com antecedência, através do saldo limite disponíveis para uso. A iniciativa da empresa MarsterCard é facilitar a inclusão financeira de toda uma população. Com o cartão rodoviário, além de garantir as viagens integradas de ônibus passagens, o passageiro também poderá abrir mão de filas na hora de pagar a contas, tem possibilidade de receber dinheiro e até enviar DOC e TED sem restrição de banco.