• Empresas de ônibus e ciclistas criam mobilidade sustentável

    Autor:

    Redação

    Data: 28/03/2013

    ônibus passagens

    Empresas de ônibus e alguns ciclistas da Associação dos Ciclistas de Balneário Camboriú resolveram criar um projeto de conscientização sobre a mobilidade sustentável na cidade. A ideia do grupo foi mostrar que é possível utilizar o sistema de transporte público sem agredir o meio ambiente. “Mobilidade sustentável é o movimento de pessoas em várias regiões com menos impacto ao meio ambiente e os recursos naturais, sempre garantindo o direito de ir e vir com qualidade e cuidado com o meio ambiente”, explica Rosana Silva, uma das idealizadoras do projeto. As viagens dentro de veículos e transportes coletivos que tem a capacidade para aproveitar as malhas rodoviárias sem poluir o ambiente, ou que seja por meios sem motor, como é o caso da bicicleta e até mesmo nas caminhadas a pé, são apontadas como sendo as alternativas mais corretas para que a mobilidade sustentável funcione de verdade.

    frotas de transportes

    Quando as passagens de ônibus podem ser utilizadas de uma forma que garante essa sustentabilidade, os benefícios para o bem estar da população e da própria natureza são incomparáveis.  Foi pensando nisso que uma empresa de viação em Santa Catarina e a Associação dos Ciclistas de Balneário Camboriú realizaram uma campanha visual para estimular as pessoas a optarem pelas bicicletas e bilhetes rodoviários na hora de sair de casa. Henrique Wendhausen, o responsável pela associação dos ciclistas, os dois meios devem se unir em favor do meio ambiente. No site da associação ele destaque é um erro acreditar que existe qualquer tipo de rinja entre os veículos coletivos e as bicicletas no trajeto urbano.

    Ele acha que quanto maior for o número de ônibus, melhor. “A disputa entre os serviços é saudável. Quanto mais ciclistas estivem espalhados na cidade mais as empresas de ônibus se esforçaram para cativar seus usuários”, imagina. Na Expresso Sul, uma das companhias de transporte que aderiu a ideia, adesivou dois de seus coletivos. Na colagem esta a frase: “Eu vou de ônibus, eu vou de bicicleta. Melhor pra mim, pra cidade e pro planeta”. A campanha é mais um incentivo educativo do que propriamente ecológico.  O objetivo também é viajar através das ciclovias e dos corredores de ônibus, afinal eles são adequados para que os veículos poluam menos. Nos sites de compra de passagens várias companhias de ônibus também mostram sua preocupação com o meio ambiente.

     

    Idoso precisa reservar passagem de ônibus para ter beneficio

    Autor:

    Redação

    Data: 18/03/2013


    Se você tem mais de 65 anos de idade e não pretende pagar suas passagens de ônibus na próxima vez que for viajar, precisa reservar seu bilhete com pelo menos dois meses de antecedência. O benefício é válido para todos os idosos que realizam viagens rodoviárias em outros estados fora de São Paulo. Segundo a lei, idosos com idade acima dos 65 anos não precisam pagar mais pelos bilhetes rodoviários. Mas é bom ficar atento. A maioria dessas vagas cedidas pelas companhias de transporte rodoviário são muito restritas e por esse motivo devem ser reservadas com total antecedência, caso contrário o idoso corre o risco de perder a benfeitoria. Não se assuste se for preciso pagar para realizar suas jornadas mesmo que você comprove idade exigida para tal beneficio. Os trajetos feitos para dentro do estado de São Paulo não possuem obrigatoriedade para liberar e garantir as vagas para os idosos. Apenas em casos em que o veículo vá se deslocar para outros estados é que a lei é imposta.

    Segundo informações do Estatuto do Idoso, as empresas responsáveis pelo embarque e desembarque dos passageiros de ônibus devem oferecer, no mínimo, duas vagas para cada condução coletiva. A recomendação de quem é encarregado nos setores rodoviários de cidades do estado de São Paulo, por exemplo, alerta que é preciso reservar as passagens rodoviárias diversos dias antes de viajar. De acordo com a administradora do terminal rodoviário de Bauru, no interior de São Paulo, Caren Cezarino, todo idoso que realmente for viajar deverá comparecer até a rodoviária de sua cidade e fazer o pedido da passagem com pelo menos 60 dias de antecedência.

    Passagens de ônibus - Queropassagem.com.br

    Para não perder tempo e não ter que voltar para casa por falta de documento ou ter de realizar a compra de passagens, só serão aceitos passageiros que comparecem com os seguintes documentos: documento de identidade ou qualquer outro que comprove idade acima de 65 anos, comprovante de residência e comprovante de renda. A medida preventiva ajuda bastante em dias em que o movimento nos terminais está elevado e garante um lugar em pelo menos dois dos disponíveis nos ônibus paulistas. Outra recomendação feita pelo departamento de terminais é sobre os guarda-volumes. Muitos passageiros esquecem o que guardaram nesses compartimentos e podem perder sem pertences por causa disso. Se o dono não aparecer em até 60 dias o conteúdo da bagagem do guarda-volumes é publicado no diário oficial do município e doado à instituições carentes.

    Programe sua viagem rodoviária com antecedência

    Autor:

    Redação

    Data: 08/03/2013

    Tudo pronto para colocarem o pé na estrada para uma viagem rodoviária! Mas será que você está realmente preparado contra todos os imprevistos e dúvidas que possam surgir pelo caminho? Se a resposta for não, aproveite e veja o que fazer. Se você ainda não comprou suas passagens de ônibus, não perca tempo. Lembre-se que reservar sua passagem com antecedência é sempre mais seguro. No dia da viagem, procure chegar a rodoviária uma hora antes do horário previsto. Isso pode facilitar sua viagem, caso ocorra algum imprevisto no local. Muitos se esquecem de verificar a disponibilidade de transporte coletivo para sair do terminal e chegar até o local desejado. Por isso também vale a pena pesquisar os valores da corrida de taxi. Antes de sair, aproveite para checar sua carteira, certifique-se de que todos seus documentos pessoais estejam lá.

    Mesmo que a viagem seja a passeio, não se empolgue na hora de montar a bagagem, leve apenas o necessário. Se for preciso utilizar malas, é bom que as identifique por dentro e fora. Respeite o limite máximo de 30 quilos por passageiro e prefira transportar objetos de mais valor na bagagem de mão. Caso esteja levando presentes é interessante que tenha as notas fiscais de compra. Saiba que toda empresa de viação rodoviária é obrigada a garantir aos seus passageiros a poltrona do ônibus, cuja está especificada nos bilhetes rodoviários. Não aceite trocas ou serviços diferentes daquele pelo qual você já pagou.

    A dica é sempre guardar o bilhete de ônibus e o ticket de bagagem como garantia em situações de extravio ou até mesmo em casos de danos. No caso de animais, apenas cães-guias são permitidos quando estão na companhia de seus donos. Para crianças com idade inferior a de 12 anos só poderão viajar sozinhas com autorização do Juizado de Menores. Não se esqueça de que viajar de ônibus rodoviário exige alguns cuidados que você deve ficar atento, como não fumar no interior do ônibus, não viajar embriagado e não usar aparelhos que emitam sons no ambiente. Esteja sempre ciente dos seus direitos como passageiro de ônibus para que você possa sempre garantí-los quando precisar.